segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Pastor evangélico concorrerá à presidência no Equador


O pastor evangélico Nelson Zavala, foi lançado como candidato a presidente do Equador. Ele irá substituir no comando da oposição o ex-presidente Abdalá Bucaram Ortiz, cuja indicação foi rejeitada pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE) de não atende a certos requisitos da lei, pois responde a vários processos judiciais.
Dalo Bucaram, filho do líder máximo do Partido Roldosista Ecuatoriano (PRE) no país, anunciou a nomeação de Zavala no lugar de seu pai. Durante seu anúncio, disse que o país precisa de um “homem de Deus” e que “invoque a paz”. Anteriormente fora anunciado que Zavala seria o vice de Abdalá, mas agora Denny Cevallos é o nome mais forte para ser candidato a vice-presidente.
As eleições presidenciais no Equador ocorrerão em 7 de fevereiro de 2013. Segundo as pesquisas, o atual presidente do Equador, Rafael Correa, aparece como favorito para a reeleição. Agora são 8 candidatos que concorrem oficialmente ao cargo.
Nelson Avellán Zavala é pastor evangélico e doutor em ministérios, tem 52 anos de idade. Estudou nos Estados Unidos e hoje é diretor da escola International Ministries em Guayaquil. Ele pastoreia a 18 anos e já liderou a Igreja Betania de Quito. Membro da Associação de Pastores Evangélicos do Equador, ele se define como um defensor dos direitos humanos, da liberdade civil, religiosa e das crianças.
No discurso que fez ao lançar oficialmente seu nome, criticou o presidente Rafael Correa de destruir a maior riqueza dos equatorianos. “Que não é o petróleo, mas a família, que está sob ataque desse governo ateísta e sem valores, que deseja nos fazer acreditar que o Equador pode ser comprado, da mesma forma que Judas agiu. O Equador precisa decidir se escolhe um lobo que mata (referindo-se a Correa) ou um pastor (referindo-se a ele)”.
Zavala desafiou Correa para um debate sobre os planos do governo .”Sem Deus não há país e liberdade sem um país”, disse o pastor. Ao final de seu discurso, que durou 17 minutos, Zavala invocou a benção de Deus sobre todos os equatorianos. No final, um grupo de ativistas e candidatos a deputados gritaram fortemente “Presidente Zavala, seja duro com os corruptos”. 
Com informações Terra e Hoy.


Kim Kardashian


Rádio cristã questiona conversão de Kim Kardashian
Não é apenas os sites de fofocas que estão discutindo a conversão da apresentadora como também cristãos de várias partes dos Estados Unidos
Kim Kardashian estaria mesmo convertida ou apenas divulgando o cristianismo como uma moda? Essa foi a pergunta que o radialista Chris Rosebrough fez durante o programa “Lutando pela Fé” em uma rádio cristã dos Estados Unidos.
O profissional conhecido como “capitão pirata da rádio cristã” questionou seus ouvintes sobre as recentes tuitadas da apresentadora de  tv que sempre fala sobre a frequência com que vai à igreja. Recentemente a jovem postou em seu  twitter que o culto foi maravilhoso.
“Eu estaria perdida se eu não tivesse ido a igreja para refletir sobre minha semana inteira. O culto foi maravilhoso! Muito obrigado Brad Johnson”, escreve Kim mencionando o pastor da igreja que frequenta, a Life Change Comunity Church localizada na Califórnia.
O radialista lançou a pergunta no ar: “Kim Kardashin realmente confia ter as suas necessidades reais orientadas pelo seu pastor ou isso é apenas uma ‘moda’ para uma menina fascinada por bolsas e roupas?”
Continuando a falar sobre isso o radialista afirmou que há muitos vivendo o cristianismo como moda sem ser realmente cristãos. “O cristianismo não é o tipo de coisa que você serve junto com as coisas que você faz para sua própria espiritualidade no estilo de Beverly Hills”, disse.
O programa de Rosebrough tem o objetivo de comparar o que as pessoas dizem em nome de Deus com o que de fato está na palavra de Deus e por isso levou a fé da apresentadora de reality show para seu programa.
Mas o pastor de Kim resolveu enviar um recado não só para o radialista como também para outros cristãos que gostam de criticar seus irmãos: “Meus comentários são gerais e poderia ser sobre emissoras, sobre jornalistas, sobre pastores. Podemos optar por usar nossa plataforma para julgar e ir contra o que nós achamos ser errado nas outras pessoas sendo cristãos ou não”, disse Johnson.
O líder espiritual da jovem também falou que é triste ver cristãos se atacando mutuamente. “É sempre muito triste para mim ver cristãos atacando outros cristãos, isso é um desperdício do tempo que já limitado para que façamos o bem. Gostaria de incentivar este cavalheiro (o radialista Rosebrough) a não falar mal de alguém com quem ele nunca conversou”.
Mas para Chris Rosebrough o pastor não tem ensinado o que está na Bíblia , apenas tem feito sermões parecidos “com as ajudas dadas aos alcoólicos anônimos”. “A mãe de Kim Kardashian e outras pessoas na Igreja não estão recebendo o que a Bíblia ensina, não estão sendo ensinados sobre as grandes doutrinas das Escrituras,” disse o Rosebrough.
Continuou: “Deus não permitem que as pessoas se aproximem dele usando os seus próprios termos. Deus fez o caminho estreito para sermos salvos e receber dele livremente o perdão dos pecados”.
Traduzido e adaptado de Christian Post

MÃE DE JOAQUIM BARBOSA DIZ QUE TUDO O QUE DEU AO FILHO FOI A SUA ORAÇÃO



Em declaração para a imprensa, Benedita Gomes da Silva, mãe do ministro Joaquim Barbosa, comentou que a única coisa que deu ao filho foi oração e que ele conseguiu chegar à presidência do Supremo Tribunal Federal por conta própria.
“O que eu dei foi oração, ele lutou por conta própria”, disse ela que é evangélica da Assembleia de Deus. Ao lado de parentes e artistas, o ministro Joaquim Barbosa tomou posse do novo cargo nesta quinta-feira (22).
Nascido na cidade de Paracatu, Minas Gerais, em 1954 o ministro se esforçou para conquistar seus sonhos, aos 16 anos ele se mudou para Brasília para morar com uma tia e cursar o ensino médio.
Foi nessa época que ele conseguiu trabalho como compositor gráfico do Senado e mais tarde como oficial do Ministério das Relações Exteriores.
Formado em Direito pela Universidade de Brasília, Joaquim Barbosa é casado com Marileuza Francisco de Andrade com que tem um filho, Felipe, nascido em 1982.
Sempre seguindo carreira pública, Barbosa foi nomeado pelo então presidente Lula em 2003 para o STF. Apenas em 2008 ele conseguiu se tornar ministro efetivo e também vice-presidente da mais alta corte do Brasil.
A posse de Joaquim Barbosa se tornou histórica por ele ser o primeiro homem negro a presidir do Supremo Tribunal Federal.
fonte:GOSPEL PRIME


Reneé Murdoch


Pastora Renee agredida no Rio está em estado grave

Reneé Murdoch tinha menos de 30% de chance de sobreviver, diz médico.



A pastora americana Reneé Murdoch, da Igreja Luz das Nações, no Rio de Janeiro, quase morreu após ser agredida pelo morador de rua Alexandre Luis de Oliveira Francesco, na orla da Barra da Tijuca, mês passado.
Segundo Ruy Monteiro, neurocirurgião que a operou, mesmo com a complexidade das cirurgias e a gravidade dos ferimentos que sofreu, a pastora teve uma grande e rápida melhora. Para os médicos, as chances de sequelas após a cirurgia que recolocou o osso da cabeça, eram de 30%.
“Hoje, ela apresenta um pequeno déficit de memória e uma dificuldade na fala, mas tem grandes chances de recuperação”, comemora Monteiro.
Reneá recebeu alta do Hospital Copa D’or, em Copacabana, nesta quinta-feira (22). Ela celebrou com almoço de Dia de Ação de Graças, informou seu marido, o pastor Philip Murdoch.
“Hoje é Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, que é uma data tão especial quanto o Natal, então, vamos preparar um almoço com amigos e familiares. Estou feliz por minha mulher estar viva. Se você orou, se você torceu, obrigado”, agradeceu.
Desde que deixou a unidade semi-intensiva do Copa D’or e foi transferida para o quarto, ela já mostrava melhora no seu quadro e começado a falar pequenas frases.
Durante entrevista coletiva desta manhã, Reneé mostrou algumas dificuldades na fala, mas agradeceu o apoio dos brasileiros. “Vocês são maravilhosos, só posso falar um pouquinho, queria agradecer vocês, Brasil, pelas orações, muito obrigada, amém”, disse.
Vários sites do segmento gospel divulgaram o caso e havia várias correntes de oração, e o caso teve grande repercussão nas redes sociais.
O neurologista Bernardo Liberato, que coordena a Unidade Semi Intensiva do hospital, a recuperação de Reneé aconteceu bem mais rápido do que a equipe médica esperava. Segundo Ele lembra que a agressão afetou a região do cérebro que afeta as funções vitais do ser humano, como dormir, acordar e respirar. Quando ela chegou ao hospital, no último dia 26, o lado esquerdo do seu corpo estava paralisado.
Membros da igreja Luz das Nações fizeram uma surpresa na porta do hospital. “Ela é uma mulher muito forte, mas muito doce”, declarou a amiga Andrea Lima.
A pastora gravou um vídeo no dia anterior a sua alta, agradecendo a todos que intercederam por sua recuperação. Veja abaixo:


fonte:gospelprime


LIVRO DE EDIR MACEDO BATE RECORD DE VENDAS


A revista “IstoÉ” traz em sua matéria de capa uma entrevista exclusiva com o dono da TV Record e bispo da Igreja Universal  Edir Macedo, e logo na capa traz a seguinte manchete:
EDIR MACEDO “Muitos me odeiam, sem me conhecer”
A publicação fala ainda sobre o sucesso de vendas da biografia do bispo, que é uma das mais vendidas no mundo:

Autobiografia de Edir Macedo é o livro mais vendido no Brasil e bate recordes no exterior. Em “Nada a Perder”, fundador da Igreja Universal diz que sofreu bullying, afirma que sua sina é barrar os católicos e conta como a prisão influenciou sua vida

chamada.jpg
LIDERANÇA - Estudiosos afirmam que os mesmos fiéis que Macedo consegue atrair em
cultos como o realizado no Maracanã (acima) são potenciais compradores de seus livros
 Confira o material disponibilizado no site da emissora sobre a entrevista
Acusações de charlatanismo, curandeirismo e enriquecimento com a exploração da fé dos mais humildes não impediram a Igreja Universal do Reino de Deus de se transformar em um dos maiores fenômenos religiosos das últimas décadas. Nem mesmo a prisão de seu principal líder interrompeu o crescimento da denominação evangélica criada por Edir Macedo há 35 anos e hoje presente em 182 países. Certamente o contingente de fiéis conquistados pela IURD é que levou seu fundador a ser o principal protagonista de outro fenômeno que vem ocorrendo no Brasil desde 30 de agosto e na semana passada começou a ecoar também no Exterior. Trata-se de um fenômeno editorial. “Nada a Perder”, primeiro livro da trilogia autobiográfica de Edir Macedo, lançado pela Editora Planeta há menos de três meses, já vendeu mais de 350 mil exemplares e ostenta o título de livro mais vendido no Brasil em 2012, de acordo com o portal Publishnews, referência para o mercado editorial. A biografia do bispo superou o best-seller mundial “50 Tons de Cinza” e deixou para trás as biografias de Eike Batista, Danuza Leão e Steve Jobs.
Com uma eficiente estratégia de divulgação, os lançamentos feitos em diversas cidades atraem milhares de pessoas. No sábado 10, por exemplo, mais de 25 mil exemplares de “Nada a Perder” foram vendidos apenas na livraria Nobel do Shopping Metrô Tatuapé, em São Paulo (leia quadro à pág. 71). Na última semana, Edir Macedo começou a fazer os lançamentos internacionais, com eventos na Argentina, Colômbia e Venezuela. O resultado surpreendeu até os discípulos mais próximos. No sábado 17, em dez horas foram vendidos 56,3 mil exemplares na centenária livraria El Ateneo, em Buenos Aires, um recorde na história do mercado editorial argentino, segundo Antônio Dalto, gerente-comercial da rede de livrarias El Ateneo. “Um líder carismático tende a agregar pessoas e qualquer coisa que ele lançar será disputada por seus admiradores”, diz o professor de pós-graduação em ciências da religião da Universidade Metodista de São Paulo, Leonildo Silveira Campos. “Vivemos em uma sociedade que gera tristeza e depressão. Com isso, as pessoas buscam falas confortantes como as que são feitas por Edir Macedo”, avalia João Batista Libanio, da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia de Belo Horizonte (MG).
013.jpg
NA CADEIA
O bispo responsabiliza os líderes católicos pelos 11 dias que passou
na prisão acusado de charlatanismo, curandeirismo e estelionato
Com a publicação de sua autobiografia, Macedo provavelmente provocará algumas polêmicas. Ele afirma, por exemplo, que “a sina da Universal é barrar a Igreja Católica”. O bispo conta que ainda jovem ocupava um emprego público na Loteria do Rio de Janeiro, obtido com o auxílio do ex-governador Carlos Lacerda, com quem a família tinha alguma proximidade. Era uma mistura de contínuo com auxiliar de escritório, que determinado dia, levando ao pé da letra uma ordem interna, impediu a entrada de um monsenhor, enviado pelo arcebispo para recolher dinheiro que na época algumas sociedades católicas recebiam das loterias. “Eu barrei a Igreja Católica naquele dia”, diz Macedo. “E, simbolicamente, seria um prenúncio do que se tornaria a sina da Igreja Universal ao longo dos anos.”
No livro, o bispo detalha os questionamentos sobre si mesmo desde a infância até a vida adulta. “Nada a Perder”, no entanto, é mais do que uma leitura sobre o interior de Edir Macedo. Ele não poupa as demais religiões, inclusive evangélicas, e dispara forte contra os católicos, cujos líderes são apontados como os principais responsáveis por seus infortúnios. No capítulo em que narra os 11 dias em que passou na prisão acusado de charlatanismo, curandeirismo e estelionato, em 1992, Macedo assegura ter sido alvo de perseguição do “Clero Romano”. “Eram políticos de prestígio, empresários da elite econômica e social, intelectuais, juízes, desembargadores e outras autoridades do Poder Judiciário que tomavam decisões sob a influência do alto comando católico.”
02.jpg
EM FAMÍLIA
Com a mulher, Ester, as filhas, Viviane e Cristiane, e o filho adotivo, Moyses: reunião cada vez mais rara
Edir Macedo nasceu em um lar católico e durante anos foi devoto de São José. Fez seus primeiros contatos com espíritas e evangélicos a partir do sofrimento vivido por uma irmã asmática e, no livro, relaciona uma série de frustrações com o Vaticano. Lembra o dia em que, com 15 anos, foi levado pelos pais para cultuar a imagem de Jesus morto em uma Sexta-Feira Santa e saiu assustado com a violência expressa naquela imagem. Macedo também se recorda que, depois de frequentar alguns cultos evangélicos em uma igreja chamada Nova Vida, destruiu as imagens e medalhinhas religiosas que carregara consigo. “Botei todos aqueles objetos no chão, fitei os olhos deles e, apontando o dedo com desdém, desabafei: ‘Desgraçados! Vocês me enganaram!’, gritava, pisando com raiva naqueles pedaços de papel e na gargantilha.”
“A história do bispo Edir Macedo é um relato que pode ajudar a explicar um dos maiores fenômenos sociológicos da história recente do País”, diz o jornalista Douglas Tavolaro, vice-presidente de Jornalismo da Rede Record e coautor do livro, produzido a partir de mais de 100 horas de conversas gravadas e intensa pesquisa jornalística. Em 237 páginas, o fundador da Universal transcreve e interpreta de forma bem popular uma infinidade de passagens bíblicas. Mas, àqueles que buscam explicações mais racionais para a liderança de um pastor que em 35 anos construiu uma das maiores igrejas do mundo, não são raras as passagens compostas por argumentos absolutamente terrenos para falar sobre a multiplicação de templos e de fiéis. Macedo deixa claro, por exemplo, que um dos segredos da Universal é a sua inserção social, principalmente no que diz respeito à recuperação de criminosos e no atendimento à saúde. “A Igreja Universal permite ao Estado economizar bilhões em tratamento hospitalar e na ressocialização de presos”, descreve o bispo, que reafirma a ocorrência de milagres em seus templos. Duas passagens chamam a atenção. Na primeira, Macedo conta a história de duas mulheres adornadas usando roupas de grife que passeavam em uma rua conhecida pelo comércio de luxo em São Paulo. Na conversa, ambas se referiam a ele como um charlatão. Durante o diálogo, narra o pastor, teriam sido interrompidas por um homem que escutara o bate-papo e não se fez de rogado ao abordá-las. “Me desculpe, mas as madames não sabem o que dizem sobre esse homem”, afirmara o rapaz. “Não fosse por ele, as senhoras estariam sendo assaltadas agora. Sou ex-bandido. E fui recuperado por Deus na Igreja Universal.”
04.jpg
Em outra passagem, Macedo conta que um taxista atendeu um senhor no Rio de Janeiro. Durante o trajeto, o motorista começou a falar mal das igrejas evangélicas. O passageiro, segundo narrado no livro, pediu que o taxista parasse onde estavam, pagou a corrida até aquele ponto e ao descer do carro teria dito ao motorista: “O senhor está com Deus. Até bem pouco tempo eu era assaltante de táxi e se não fosse o trabalho da Universal o senhor seria assaltado por mim e quem sabe não seria até assassinado.” A ênfase dada ao trabalho com a população carcerária, segundo o próprio bispo, veio após a sua experiência. No livro, Macedo revela que, apesar de permanecer 11 dias em uma cela especial, teve que dormir no chão em um colchonete fino e diz que não sucumbiu graças às manifestações dos fiéis na porta da delegacia. “Na cadeia o ar pesava. O cheiro forte incomodava. Foi possível entender a revolta da população carcerária no Brasil”, afirma o bispo.
Sem nenhum compromisso com a cronologia dos fatos, o bispo conta pela primeira vez que sofreu bullying na infância em razão de um problema físico nas mãos. Seus dedos indicadores são tortos, os polegares finos e todos se movem pouco. “Muitas vezes senti um certo complexo de inferioridade, me considerava o patinho feio da escola e até da família. Sempre fui motivo de zombaria. Muitos adultos e meninos da minha idade me chamavam de dedinho.” O bispo lembra ainda que adolescente chegava a ironizar os evangélicos da Assembleia de Deus que se reuniam para orar no campo do São Cristóvão. “Aleluia, aleluia! Como no prato e bebo na cuia”, gritava o garoto Edir Macedo, enquanto corria de bicicleta ao redor do culto evangélico e ainda carregava uma medalhinha no pescoço.
03.jpg
No mês que vem, “Nada a Perder” será lançado na Espanha e em Portugal. Em janeiro, será a vez de França, Estados Unidos, México, Angola, Moçambique, África do Sul e Inglaterra. Os outros dois livros autobiográficos serão lançados em 2013 e 2014. No segundo, Edir Macedo diz que irá revelar as suas relações com os políticos e empresários e, no último, detalhar a compra da Rede Record.
05.jpg



segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Apóstolo Valdemiro Santiago pede que fiéis deem dízimo conforme gostariam de ter de renda


Apóstolo Valdemiro Santiago pede que fiéis deem dízimo conforme gostariam de ter de renda: “Separa o valor de um salário mínimo por exemplo”




O apóstolo Valdemiro Santiago lançou, num dos programas de TV da Igreja Mundial do Poder de Deus, uma campanha de arrecadação inusitada, que promete um ganho de renda conforme o desejo do fiel. A edição do programa foi ao ar no último dia 02/11, feriado de finados.
Durante o programa, Santiago pede que os fiéis entreguem um “dízimo” que represente o valor que eles desejam ter como salários ou renda. A sugestão é que se o fiel desejar ter um salário de R$ 6.220,00, deve ofertar R$ 622,00 como ato de fé e profecia.
Como recompensa, os fiéis terão o nome escrito no “Livro dos dizimistas”, que será levado ao Monte Carmelo, em Israel, no final do mês de dezembro.
-Durante dois meses, vai entregar o dízimo. ‘Essa é a renda que eu vou ter’. Se é de R$ 5 [mil], então vai devolver R$ 500,00. Se é de R$ 3 [mil], então vai devolver R$ 300,00. Se é de R$ 1 [mil], então vai devolver R$ 100,00 – afirma o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus.
A campanha que promete o crescimento de renda foi pensada para os meses de novembro e dezembro, segundo o apóstolo. Os dois meses são a época em que, geralmente, as pessoas assalariadas recebem o 13º salário.
Durante a explicação, Santiago afirma crer que as pessoas serão ambiciosas em seus propósitos: “Eu nunca creio que alguém vai pedir pra ganhar mil reais né? Isso já era. Negócio de salário mínimo, Deus me livre. Dá pelo menos um salário mínimo de dízimo, que aí você vai ter uma renda de R$ 6 [mil] e pouco”, sugere o apóstolo da Mundial.
-De preferência [deposite], direto na conta da igreja – pede Valdemiro Santiago.
Confira no vídeo abaixo o momento de ofertas e dízimos do programa da Mundial, em que o apóstolo sugere dízimos conforme o desejo de renda:

Pastor diz ter falado com Deus por intermédio de uma galinha


Pastor diz ter falado com Deus por intermédio de uma galinha
Pastor diz ter falado com Deus por intermédio de uma galinha
 Pastor Paulo Roberto, (Foto) de uma igreja Assembleia de Deus de Cuiabá (MT) diz ter falado com Deus com Deus por intermédio de uma galinha, tendo um galo como intérprete. Ele contou que sofria de câncer em sete lugares e que foi curado por um milagre a partir de uma revelação divina que ocorreu em um galinheiro e de madrugada.
Ele contou que sofria de câncer em sete lugares e que foi curado por um milagre a partir de uma revelação divina que  ocorreu em um galinheiro, em uma madrugada.
“[Deus], usando uma galinha falando línguas e um galo interpretando, me disse: Meu filho Paulo, estou te curando do câncer”, escreveu o pastor.
De acordo com o que a galinha incorporada por Deus falou, Paulo Roberto ia se encontrar com um pastor que seria o instrumento da cura, o que ocorreu, segundo o relato do blog. O tal pastor é Sebastião Rodrigues de Souza, presidente da Convenção dos Ministros das Assembleia de Deus.
Paulo Roberto escreveu que, de início, “clamava a Deus, e Ele não respondia”, mas, finalmente, obteve cura para o câncer que havia se instalado no cérebro, bigórnia (sic), ouvidos, estomago, garganta, ossos e sangue.
O pastor, que é vice de um candidato a prefeito de Cuiabá, se tornou milagreiro. Ele diz em seu blog que, entre outras coisas, faz anão crescer.
Com informação do  SITE DO PASTOR

Jovem evangélico morre afogado durante retiro de igreja


Jovem evangélico morre afogado durante retiro da igreja Assembleia de Deus – RO
Jovem evangélico morre afogado durante retiro de igreja
Jovem evangélico morre afogado durante retiro de igreja
Jovem evangélico morre afogado durante retiro, a vítima Jeferson J.P.R, 19 anos  encontrava-se em um retiro promovido pela Igreja Evangélica Assembleia de Deus do município de Ariquemes no Sítio Bom Futuro, localizado as margens da BR 421, em frente à Linha C-35 a cerca de 15 km do município de Monte Negro.
Segundo os organizadores do retiro a ordem era para que ninguém se afastasse do grupo e/ou saísse do campo de visão dos organizadores, porém um pequeno grupo composto por Jeferson e outros três amigos desobedeceram à ordem e se aventuraram ao longo do Rio Jamari se distanciando da visão dos organizadores.
Segundo testemunhas Jeferson e outro amigo resolveram atravessar o rio para se juntar aos outros dois amigos que se encontravam do outro lado do rio, porém em determinada altura seu amigo começou a se afogar, sendo que Jeferson o puxou, momento em que escorregou caindo na parte funda do rio e desapareceu.
A tragédia foi informada aos organizadores do retiro que acionaram a Polícia Militar do município de Monte Negro – RO que esteve no local e acionou a equipe do Corpo de Bombeiros de Ariquemes, para que pudesse resgatar o corpo de Jeferson no fundo do rio, porém foram informados que o único bombeiro de Ariquemes capacitado para tal resgate se encontrava de férias e não estava na cidade, sendo acionado um mergulhador do município de Jaru, porém talvez não chegasse antes que o dia escurecesse.Jovem evangélico morre afogado durante retiro de igreja Assembléia de Deus
Amigos e familiares de Jeferson resolveram não esperar a chegada de tal mergulhador e resolveram contratar o mergulhador voluntário por do município e Monte Negro conhecido pelo apelido de “Didi”.
Didi ainda realizou várias buscas no local, porém como a água estava muito suja impossibilitando a visão no fundo do rio resolveram realizar um “arrastão” com uma rede de pesca, onde lograram êxito em localizar o corpo de Jeferson a poucos metros do local onde havia afundado, sendo este transportado até as margens sobre uma boia.
A perícia técnica da polícia civil de Ariquemes foi acionada e se fez presente onde realizou os trabalhos de praxe liberando o corpo em seguida a Funerária Universo de Ariquemes.

Aline Barros vence o Grammy Latino 2012


A cantora Aline Barros foi a grande vencedora do Grammy Latino 2012 na categoria de “Melhor Álbum Cristão em Língua Portuguesa”, a brasileira concorreu com o  CD Aline Barros e & Cia 3, voltado para o público infantil.
A entrega do prêmio aconteceu em Las Vegas nesta quinta-feira (15) e a cantora evangélica ficou bastante emocionada com a notícia que rapidamente correu pelas redes sociais.
Em entrevista para a Rádio 93 FM a cantora comentou o que estava sentindo: “Estou radiante. Fiquei feliz só em receber a indicação, e hoje, não tenho palavras para explicar o tamanho do minha felicidade. Este prêmio é o reconhecimento de muito trabalho, que faço sempre para glória do Senhor”.
Este é o 5º Grammy Latino que Aline Barros recebe em sua carreira, os quatro anteriores foram em reconhecimentos pelos CDs Fruto de Amor, Aline Barros & Cia, Caminho de Milagres e Extraordinário Amor de Deus. Mas ao todo foram 7 indicações.
A gravadora MK Music também está comemorando o prêmio de Aline que marca o posicionamento da empresa em uma premiação tão importante como o Grammy Latino. Desde 2004 foram 19 indicações de cantores da MK, além de Aline Barros, Oficina g3 e MARINA DE OLIVEIRA  também já foram premiados.
Neste ano Aline concorreu com Diante do Trono, Paulo César Baruk, Grupo Chamas e Cantores de Deus.
fonte:gospelprime

Globo convida pastores evangélicos para reunião de aproximação


Na última segunda-feira (12) a Rede Globo convidou alguns líderes evangélicos para uma reunião com Amauri Soares, diretor de Projetos e Eventos Especiais da emissora, para falar sobre as expectativas do grupo com o segmento evangélico.
Pastores e líderes de conselhos de diversas partes do país estiveram no Projac, entre eles o bispo Robson Rodovalho, da Igreja Sara Nossa Terra, que conta o que foi dito nessa reunião.
“Foi uma reunião para conhecer um pouco mais dos projetos da emissora e começar este relacionamento”, disse. Esta foi a primeira vez que um diretor da Globo se reuniu com pastores.
“Ouvimos a posição deles e o que esperam sobre este segmento”, completa o bispo que é cantor e recentemente assinou contrato com a Som Livre, gravadora do grupo.
Questionado sobre as críticas que alguns líderes evangélicos fazem sobre a emissora, Robson Rodovalho afirma que vê uma boa oportunidade de usar o meio para levar a mensagem do Evangelho. “Eu reconheço que todos os veículos de comunicação são importantes para levar o Evangelho”, disse ele assegurando que foi este posicionamento que o fez decidir em aceitar o convite de fazer parte do cast da gravadora da Globo.
Além de Rodovalho estiveram no encontro os pastores: Francisco Paixão (Presidente da CONCEPAB), Wilton Acosta (Fenasp), Ronaldo Batista, Apóstolo Edmilson, bispo Aroldo Telles, Pedro Santos, reverendo Jorge Sutareli, Valdiberto Rocha, Paulo Roberto Carlos Soares, Josimar Francisco, Chacerleu Melo, bispo Jetro Carneiro, Claudemir Lopes, Rudolf Arno Heinrichs, Flavio Luiz Sauerbronn, Bievenido Sandro Andrade Fiuza e Rosangela Lucia Targine da Silva.
Vale lembrar que o  FESTIVAL PROMESSA  e o Troféu Promessas são eventos ligados diretamente com a Rede Globo através da GEO Eventos que recentemente anunciou que a partir de 2013 também estará realizando um feira de artigos evangélicos com o nome de Feira Internacional Cristã – FIC, que irá acontecer em julho.
FONTE:GOSPELPRIME